Colônia "Hora de dormir" da Johnson's

Olá a todas!

Sabe aquele momento de desespero em que seu bebê não dorme fácil à noite, custa a pegar no sono e você sente suas forças diminuírem por causa do sono que você sente? Então você busca alternativas que te ajudem a melhorar o sono do seu filhote.

Com meu primeiro filho, que não dormia muito bem, fiz diversos testes. Um deles foi utilizar a colônia "Hora de dormir" da Johnson's.

E como é a colônia "Hora de Dormir?


A colônia "Hora de dormir" possui exclusiva essência Natural Calm, que libera um cheirinho suave que deixa o bebê levemente perfumado. A fórmula é dermatologicamente testada e não irrita a pele dos nossos filhotes. Esse aroma relaxa o bebê, por isso o ideal que seja usado antes do sono da noite.

Ela pode ser utilizada após o banho antes de dormir, como pode ser aplicada, em pequenas quantidades, na roupa do bebê e nas roupas de cama.

A colônia é indicada, também, para ser incluída na rotina de sono do bebê.


sonhadamaternidade.blogspot.com.br



E aí? Funciona?


Primeiro a se saber é que a colônia não é uma fórmula mágica do tipo "aplicou, dormiu". Infelizmente isso não existe.

Com meu filho mais velho, não adiantou muito. Na realidade, como tratei no post Não há receita para bebê dormir a noite toda , é da natureza dele ser mais ativo e resistir para dormir. Todas as minhas tentativas de aplicar rotina de sono ou tentativa de utilizar produtos para esse fim falharam. Ele somente começou a dormir a noite inteira depois de desmamar, aos 2 anos.

Com minha caçula usei a colônia pensando mais em uma rotina de sono. Dava um banho antes de colocá-la para dormir e aplicava um pouco em uma fraldinha de pano que deixava perto dela. Ele relaxava e pegava no sono.

Mais uma vez repito, a colônia não faz milagres mas quando incluída na rotina antes de dormir pode ser de grande auxílio.

Compensa experimentar a colônia e inclui-la na rotina antes de dormir de seu bebê. É claro que ele pode ser dos mais "agitados" e não se adaptar à rotina, mas vale a tentativa.

Veja também o post O SEU BEBÊ DORME A NOITE INTEIRA E O MEU NÃO! POR QUÊ?

E você? Já testou? O que achou? Deixe seu comentário e compartilhe sua experiência!

Abraços a todas.


Teste de farmácia: qual devo comprar?

Olá Amigas!

Sabe quando estamos na expectativa do atraso menstrual menstrual e ficamos na dúvida sobre fazer ou não o teste de farmácia ou em que marca de teste confiar?

Pois é, sobre fazer ou não o teste de farmácia, fiz um post tratando sobre o assunto e o momento ideal de realizá-lo em 4 perguntas a se fazer antes de realizar o teste de farmácia.

Vou tratar aqui dos diversos tipos de testes que existem no mercado, desde os mais simples, de tiras de papel, até os mais modernos e digitais, que são capazes de determinar as semanas de gestação.

O que são os testes de farmácia?


Os testes de farmácia são testes simples para se detectar gravidez. São mais simples do que os de sangue pois são capazes de detectar a presença do hormônio da gravidez (Beta HCG) na urina. Eles possuem diversas apresentações, desde tiras de papel, até os eletrônicos (utilizam bateria).

Todos eles podem apresentar algum problema  - de fábrica ou de utilização - por isso a maioria apresenta uma linha de teste que obrigatoriamente deve aparecer durante a realização do teste, independente de o resultado ser positivo ou negativo. Se a linha de teste não aparecer, o teste de farmácia deve ser inutilizado e a mulher deve fazer outro.

Se realizados corretamente, possuem alta taxa de confiabilidade. Veja, mais uma vez, o momento ideal de se realizar o teste AQUI.

O que difere um teste de outro?


Honestamente, para mim, apenas o preço. É claro que isso é uma questão de opinião. Muitas mulheres acreditam que os testes mais caros e mais "modernos" são melhores. Mas todos eles podem apresentar algum problema de produção. Todos utilizam urina e todos aconselham a esperar pelo menos um dia de atraso menstrual para serem utilizados.

É claro que alguns, mais sensíveis, podem até identificar o HCG na urina antes do atraso menstrual, mas somente questão de um ou dois dias antes.

Todos possuem margem de erro e grau de sensibilidade em relação ao HCG. E todos, sem exceção, são descartáveis, isto é, só podem ser utilizados uma única vez.

Eu utilizei duas marcas diferentes para detectar minhas duas gestações. Nunca pensei em comprar aqueles caros, que detectam até a possível semana de gestação que você está. Mas isso é uma escolha minha. O dinheiro que se gasta em um teste caro quase que dá para pagar para fazer o exame de sangue no laboratório. Tanto para os dois positivos quanto para os alguns negativos, essas duas marcas me serviram bem (não vou fazer aqui uma resenha sobre elas, apenas estou apresentando as marcas que utilizei, sem maiores detalhes nesse momento.)

No primeiro positivo, utilizei o Bioeasy Plus. 

sonhadamaternidade



Já para o segundo positivo, já que não tinha o Bioeasy na farmácia, comprei o Fast Test HCG.

Sonhada Maternidade

Então...


Sabendo destas questões e características dos testes de farmácia, quando for o momento para realizá-los, escolha o que você  sentir mais segurança. Desde os mais simples quanto aos mais "show". Faça uma pesquisa, veja o grau de sensibilidade. O importante é você encontrar um em que você se sentirá segura.

E, o mais importante, faça o teste no momento certo para que o resultado seja o mais confiável possível.

Veja também o post TESTE DE FARMÁCIA: ESTOU PRONTA PARA UM NEGATIVO?

Beijos férteis a todas e até o próximo post!!!

Pomadas hidratantes e os mamilos das lactantes: como ficam as rachaduras?

Olá Amigas! Como vai a luta?

Luta sim, principalmente para aquelas cujos bebezinhos já nasceram. Hoje vou tratar um pouco das pomadas de hidratação dos seios, que podem ser utilizadas desde antes do nascimento. A maioria das mulheres só começam a usar mesmo a partir do nascimento do bebê, quando inicia a amamentação e as rachaduras no peito.

As pomadas para hidratação dos mamilos possuem em sua composição básica a lanolina (hidratante natural obtido a partir da limpeza da lã do carneiro) e que possui grande poder de hidratação. Existe várias marcas no mercado, e o que difere uma da outras é a associação da lanolina a outros componentes.

Nas duas gestações utilizei duas pomadas diferentes: a Massê (da Jhonson's) e a Millar (da Aché). Se a composição básica é a lanolina, por que escolher duas pomadas diferentes? Não há motivo.

Comprei a Massê assim que meu peito rachou após iniciar a amamentação do meu primeiro filho. Meu marido foi à farmácia e o atendente indicou.


sonhadamaternidade.blogspot.com.br


Já em relação à Millar, ganhei algumas amostras grátis que foram suficientes para meu uso.

sonhadamaternidade.blogspot.com.br

(Veja preço da Millar nas Lojas Americanas: https://goo.gl/aO7Ih0 )


E aí? Funciona?


Como hidratante, as pomadas cumprem sua função, principalmente para quem tem a pele mais seca. Aliás, considerando isso, seria bom sempre passá-las nas auréolas independente de gestação pois essa pomadas são específicas para essa função.

Usá-las pensando apenas que os seios não irão rachar no início da amamentação é perca de tempo. Independente do uso desse tipo de produto, seus seios terão alguma rachadura (em menor ou maior grau). O uso do hidratante poderá amenizá-la. Além disso, elas proporcionam um alívio às dores das rachaduras entre uma amamentação e outra.

Mas não compre achando que eles têm "poder" cicatrizante pois irá se decepcionar. Mais uma vez: a função principal da lanolina é HIDRATAR. Comigo, para cicatrizar as fissuras, só funcionou passar meu próprio leite nos bicos e tomar sol. Com uma semana já estava tudo bonitinho e eu não sentia mais dor. Falarei mais sobre isso em um próximo post.

E compensa comprar?


Sim como um produto de hidratação da pele das auréolas e bicos dos seios, que precisam de cuidados.

Não se você quiser apenas cicatrizar as rachaduras dos seios. Para isso temos métodos naturais, como o uso do próprio leite materno e o os banhos de sol. Na minha opinião, são muito eficazes.

Gostou da informação? Quer dar sua opinião ou tem alguma dúvida? Deixe seu comentário. Estamos aqui para trocar experiências.

Até o próximo post!

Abraços.


Elixir de Inhame: cronograma de uso

Olá tentantes! Como está a correria e a ansiedade?

Resolvi fazer este post pois sempre estou ajudando outras tentantes com dúvidas sobre o uso do elixir de inhame no post "Engravidei tomando Elixir de Inhame"

Quais são as maiores dúvidas? As maiores dúvidas são relacionadas aos dias de uso, isto é, quando se inicia, quantos dias se deve tomar, quando termina.

Vamos lá!


O elixir de inhame deve ser tomado pelas tentantes por 7 dias, pela manhã em jejum, iniciando no 7º dia do ciclo e terminando um dia antes da possível ovulação, que deve ocorrer por volta do 14º dia do ciclo. Mas essa contagem funciona para quem tem ciclo de 28 dias. E para outras dezenas de mulheres que possuem ciclo de 25, 26, 27, 29, 30 dias? Não dá para seguir esse cronograma.

O importante, primeiramente, é saber que a ovulação ocorre, mais ou menos, 14 dias antes da menstruação descer, independente do tamanho do ciclo. Pode haver algumas variações de tamanho nessa fase (chamada fase lútea), mas o mais comum é que ela seja de 14 dias. Para saber o tamanho aproximado de sua fase lútea, aconselho o uso do método de medição da temperatura basal por, pelo menos, 3 meses, para você conhecer seu ciclo. Veja mais sobre esse método AQUI

O cronograma que faço aqui é para ciclos de tamanhos entre 26 e 35 dias, mas com fase lútea de 14 dias. Se você tem uma fase lútea maior ou menos, adapte o cronograma a seguir.

Tamanho do ciclo
Início do elixir
Término do elixir
Dia da ovulação
25 dias
4º dia do ciclo
10º dia do ciclo
11º dia do ciclo
26 dias
5º dia do ciclo
11º dia do ciclo
12º dia do ciclo
27 dias
6º dia do ciclo
12º dia do ciclo
13º dia do ciclo
28 dias
7º dia do ciclo
13º dia do ciclo
14º dia do ciclo
29 dias
8º dia do ciclo
14º dia do ciclo
15º dia do ciclo
30 dias
9º dia do ciclo
15º dia do ciclo
16º dia do ciclo
31 dias
10º dia do ciclo
16º dia do ciclo
17º dia do ciclo
32 dias
11º dia do ciclo
17º dia do ciclo
18º dia do ciclo
33 dias
12º dia do ciclo
18º dia do ciclo
19º dia do ciclo
34 dias
13º dia do ciclo
19º dia do ciclo
20º dia do ciclo
35 dias
14º dia do ciclo
20º dia do ciclo
21º dia do ciclo

Mais uma vez lembro que esse cronograma se baseia em uma fase lútea de 14 dias!

Veja também como utilizei o elixir de inhame para engravidar em Engravidei tomando elixir de inhame.

Espero que esse cronograma ajude você a se organizar quanto ao uso do elixir de inhame. E que seu positivo venha logo, logo.

Qualquer dúvida, deixe seu comentário.

Beijos férteis a todas!

OBS: Quer comprar o Elixir de Inhame? Veja os preços AQUI!

sonhadamaternidade.blogspot.com.br



Citrato de Clomifeno: indutor de ovulação

Olá amigas!

Como estão as coisas?

Hoje o post é para as tentantes. Sabe aquele momento, depois de alguns meses de tentativa (e não precisa ser muito não) que bate aquele desespero de ter mais um resultado negativo? E nessa hora você pensa: quero tomar um indutor de ovulação!

Pois é. Eu passei por isso na minha primeira gestação. Depois de 7 meses de tentativas pensei seriamente e comprar um indutor por conta própria. A ideia foi retirada da minha cabeça por uma amiga que me acalmou e disse que tudo viria a seu tempo.

Os principais indutores de ovulação comercializados no Brasil tem como base o citrato de clomifeno, e são utilizados principalmente para mulheres que possuem ovulação irregular ou não ovulam. Também são utilizados por quem tem síndrome de ovários policísticos.

Mas é claro que essa medicação é prescrita após toda uma investigação de fertilidade, que normalmente ocorre após um ano de tentativas (ou seis meses para mulheres acima de 35 anos, ou mulheres que tenham alguma outro problema de saúde).

O indutor também é indicado para mulheres que, após toda a investigação, possui infertilidade inexplicada.

Como o indutor funciona?

O citrato de clomifeno em nosso organismo estimula a produção dos hormônios FSH E LH e assim estimulando ovários e á liberação dos óvulos. Então, para quem possui algum problema relacionado a esses hormônios e o amadurecimento e liberação de óvulos, os indutores são uma alternativa.

Mas veja bem, para se saber se você tem algum problema relacionado à ovulação, terá que passar por uma avaliação médica, que passará uma série de exames. Muitas vezes, os médicos só começam a pedir esses exames se você já tem algum problema de saúde relacionado à ovulação (como síndrome dos ovários policísticos) ou quando já se tem pelo menos um ano de tentativas sem resultar em gestação.

E se eu quiser usar por conta própria?

Não é aconselhável. Eu pensei em fazer isso, mas desisti. Sou muito medrosa.

O uso de medicamentos sem receita e indicação médica pode prejudicar o andamento de seu tratamento. Além disso, o uso de citrato de clomifeno só deve ocorrer por um tempo determinado (máximo 3 meses em cada tentativa, com intervalos de pelo menos 6 meses) pois pode haver risco de gravidez tubária ou câncer de ovários, devido à estimulação dos mesmos.


Então...


Seja paciente. Não parta para o uso de medicação sem necessidade. Aguarde o tempo que os médicos aconselham a esperar uma gestação sem necessidade de medicamentos. Se necessário, seu médico a orientará.

Sei que é difícil esperar, mas se você estiver ansiosa demais, parta para indutores de ovulação naturais, como o consumo do inhame e o elixir de inhame (super recomendo. Veja como usei o elixir AQUI).


Abraços e beijos férteis a todas!

sonhadamaternidade.blogspot.com.br



Está chegando o calor: cuidado com os mosquitos!

Olá amigas!

A primavera está aí e com o ela o calorzinho já começa a dar as caras. É claro que não é como no verão, mas já dá para pensar em pegar um sol (para aquelas que amam).

Mas com essa nova estação um velho inimigo dá de novo as caras: o mosquito Aedes aegypti. Isso mesmo, aquele famoso transmissor da dengue, chikungunya e a temível zica. Temível sim, principalmente para as gestantes ou futura gestantes. Mas é claro que não podemos nos esquecer dos transtornos das outras duas doenças, afinal tanto a dengue quanto a chikungunya podem levar a óbito.

No mercado há diversas marcas de repelentes que prometem serem eficientes contra esse mosquito em particular, mas nem todas podem ser usadas por gestantes ou crianças, principalmente por causa dos produtos presentes em sua composição.

Estou grávida. Qual repelente devo usar?


De acordo com o ministério da saúde, são três as substâncias que são eficientes contra os mosquito Aedes aegypti: icaridina, IR3535 (etil butilacetilaminopropionato) e DEET (dietiltoluamida).

O mais seguro para as gestantes são os que apresentam o DEET em sua composição, com concentração entre 10% e 50%.

Mas seu ginecologista deve avaliar seu caso e prescrever o uso do repelente


E meu filho? Que repelente usar?


 Os pediatras desaconselham o uso desse tipo de produto antes dos 6 meses de idade, por causa da sensibilidade da pele dos nossos pequenos e a possibilidade de se ter reações alérgicas. Nesse caso, a recomendação é utilizar mosquiteiros e telas nas janelas para evitar a entrada do mosquito no ambiente. Se você quiser usar aqueles aparelhos que se colocam na tomada para afastar os mosquitos, coloque-o quando o quarto (ou ambiente) estiver vazio e retire-o antes de levar o bebê para o quarto. Mas sempre é bom conversar com o pediatra de seu filho.

Entre os 6 meses e 2 anos, ainda é bom continuar evitando o uso de repelente, mas se for usá-lo, o ideal é o que apresenta termetrina em sua composição e que seja aplicado sobre as roupas antes de vesti-las nas crianças. *

Após os 2 anos, os que apresentam o componente DEET já pode ser usado, mas com a concentração menor do que 10%.*

A partir dos 12 anos já se pode utilizar o repelente para adultos.*  (* Fonte: https://saude.terra.com.br/especialistas-alertam-uso-de-repelente-em-criancas-deve-ser-moderado,be988c3d10f27310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html

Então...


Não se esqueça de se cuidar durante esse período de calor. Tanto da pele como contra os mosquitos e as doenças que os mesmos podem causar.

Um abraço a todas e até o próximo post.

Veja mais também em Medida da circunferência craniana no ultrassom e o zika vírus


sonhadamaternidade.blogspot.com.br
Fonte imagem: https://www.nutripele.com.br/

Diminuir catarro peito do filho!

Olá a todas!

Bebê resfriado é uma luta! Tosse, coriza, catarro... Estou assim há mais de uma semana com a minha filhinha de 7 meses. A pediatra passou medicação mas tem hora que parece que nada resolve o peito cheio.

Vi na internet uma receita (se é que posso chamar assim) para amenizar o catarro no peito. É fazer uma compressa no peito e nas costas com couve.


Como assim?


Isso mesmo. São aquelas receitas naturais da vovó que pouco sabemos hoje em dia e que costumam dar resultado.

Noite passada testei. Basta esquentar a folha da couve no vapor até ela amolecer. Depois, pode utilizar papel toalha, coloque-a, já morna, no peito e nas costas, fazendo uma compressa. Para segurar, utilize o body do bebê ou uma faixa.

Não precisa deixar a compressa por muito tempo. Alguns minutos bastam. Eu deixei 15 minutos. O importante é fazer essa compressa à noite ou em um momento em que a criança não vá pegar friagem depois. O catarro será eliminado com as fezes.

Senti uma melhora considerável. Vou fazer mais uma vez para ver se melhora mais ainda.

Fica a dica.

Até o próximo post.

Abraços.

sonhadamaternidade.blogspot.com.br

Topo